FILIA-TE NO PCTP/MRPP! LUTA PELO SOCIALISMO E PELO COMUNISMO! CONSTRÓI UM FUTURO MELHOR PARA TODOS! ENVIA O TEU CONTACTO PARA porto@pctpmrpp.org
Quarta-feira, 11 de Janeiro de 2006

Garcia Pereira no Porto dia 13

No próximo dia 13 e no âmbito da campanha eleitoral para as presidenciais o camarada Garcia Pereira estará no Porto. A "agenda" será:

9h30 Estação de metro de João de Deus em V. N. de Gaia 10h    Fontaínhas (visita à zona vítima de derrocada em Dezembro de 2000) 11h    Visita à casa da música Intervalo para almoço 15h    Bairro do Aleixo - visita à Associação para a Promoção Social da População do Bairro do Aleixo  16h30 Passeio do Bolhão a S.Bento, passando pela Rua de Sta Catarina 19h     Vila d'Este - sessão na Associação dos Proprietários da Urbanização de Vila d'Este

No Porto todas as deslocações serão feitas em transportes públicos.

Participa! Acompanha a campanha!

artigos sobre: ,
publicado por portopctp às 17:48
endereço do artigo | comentar | favorito
Quarta-feira, 4 de Janeiro de 2006

Partir do zero, agora?!!

Novas informações vieram desmentir a notícia dada neste blog no texto Vítimas e vítimas de que Garcia Pereira seria entrevistado na RTP encerrando assim e com grande atraso, a série de entrevistas aos candidatos à presidência da república. Este facto não altera o sentido do que foi dito na altura, bem pelo contrário, acrescenta-lhe provas. Nem foi preciso os candidatos do g5 sujarem-se com a queixa, os seus agentes na RTP, com os altíssimos critérios do costume, livraram-nos desse trabalho: nenhuma atitude de emendar o erro anteriormente cometido em não convidar Garcia Pereira e que seria da mais elementar justiça, sequer foi esboçada. Mário Soares e Francisco Louçã, oportunisticamente, falam do assunto, mas o que manifestadamente pretendem é uma nova ronda de debates em condições de igualdade como se do zero se partisse: o que estava para trás estava, agora o que interessaria era que se partisse do zero. Quanto aos outros membros do g5 nem palavra. O temor da verdade é tal que o melhor é assobiar para o lado.
artigos sobre: ,
publicado por portopctp às 20:08
endereço do artigo | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Janeiro de 2006

18 anos?!!

Os anunciados mil estágios para recém-licenciados nas pequenas e médias empresas, após período de gestação nos gabinetes dos ministérios e face ao fracasso desta iniciativa, transformaram-se em estágios na administração pública do novo Programa de Estágios Profissionais da Administração Pública (a promessa nesta caso são "um máximo de 3068 estágios para jovens" dos quais 2700 licenciados ou bacharéis que "poderão ser substituídos total ou parcialmente por estagiários com curso de qualificação profissional"). É o que parece, face à quase completa ausência de anúncios por parte das ditas pequenas e médias empresas nos últimos meses e aos inúmeros anúncios (compreendendo cerca de 65 estágios só num dia) de organismos públicos para estágios de 1 ano a oferecer a recém-licenciados à procura de 1º emprego ou desempregados com idades compreedidas entre os 18 e os 30 anos, surgidos na imprensa de ontem. 18 anos?!!. Este pequeno pormenor é revelador da forma como estas coisas são tratadas, sem cuidar sequer de que será impossível em Portugal alguém licenciar-se com menos de 21/22 anos. De qualquer maneira aparenta ser um pouco melhor, sendo por concurso, do que as entradas habituais pela porta do cavalo (via contrato de prestação de serviços a recibo verde ou outro). Dizemos aparenta porque não sabemos se não passa, como em muitas outras situações, de meros formalismos legais para consumar situações já existentes uma vez que, na generalidade dos casos, a selecção será feita por entrevista. Se nos surgem estas dúvidas, e não só a nós, cremos que a muitos que alguma vez já tiveram contacto com a este tipo de processos, é porque este tipo de relação é generalizada. O princípio da igualdade dos cidadãos perante a administração pública foi substituído pelo princípio da cunha e da dependência pessoal. Assim se vão construindo as redes de favores. Assim o poder conferido a alguns em razão das suas funções é transformado em vantagem pessoal ou de grupo. Este um dos problemas. Uma melhoria na transparência seria uma forma de resolver este problema. Ela é uma exigência democrática.
artigos sobre: , ,
publicado por portopctp às 12:26
endereço do artigo | comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Janeiro de 2006

Dificuldades

Veio o ministro das finanças justificar com as dificuldades orçamentais do costume a proposta (mais parece imposição) de aumentos para a função pública de 1,5%. Imediatamente houve quem tomasse esse valor como referência para os aumentos a negociar nas restantes áreas de actividade com a excepção da agricultura. Aqui seria "a economia" a mandar: teríamos, então, uma economia que não poderia suportar aumentos de salários para os trabalhadores superiores aos tais 1,5% com excepção da agricultura. Logo de seguida são anunciados aumentos de preços de uma série de bens, aumentos todos eles, com a excepção das rendas de casa, bem superiores aos tais 1,5% que nem a economia nem o orçamento de estado poderão suportar. O que ressalta disto tudo é que sacrifícios são para pedir aos trabalhadores; já às Brisas, Galps, Edps, etc. cujos lucros cresceram exponencialmente o ano que passou e cujos administradores têm remunerações principescas o que o governo tem para pedir é o sacrifício de meter mais uns amigos para os conselhos de administração e respectivos stafs, porque os aumentos de preços dos produtos ou serviços que vendem podem ser bem superiores aos tais 1,5% que a economia não pode suportar. (Os custos são custos quer sejam consumos e compras quer sejam relativos a compra de trabalho, não se percebe que uma economia não possa aguentar aumentos de custos relativos a trabalho e já os possa aguentar quando são relativos ás outras parcelas dos custos totais - toda a conversa sobre "a economia" não passa duma patranha para roubar os pobres, nada mais)
artigos sobre: ,
publicado por portopctp às 12:15
endereço do artigo | comentar | favorito

artigos recentes

Viva a Grande Revolução d...

Honra a Ribeiro Santos e ...

Viva o Partido do proleta...

O 1.º de Maio é dia de lu...

Outra democracia!

Viva a COMUNA!

Viva o 8 de Março!

Viva o PCTP/MRPP!

Viva o comunismo!

Honra a Ribeiro Santos!

Viva o comunismo!

VIVA O 1º DE MAIO!

A luta da mulher pela sua...

TRABALHADORES DA SOARES D...

VIVA O COMUNISMO!

Conferência de Imprensa

1.º de MAIO é dia de LUTA...

Democracia para o Povo!

E assim está bem!

Honra aos camaradas Ribei...

Viva o Partido!

As razões para Portugal S...

Uma aula aberta

SAIR DO EURO!

Saída do euro, porquê?

A envolvente repressiva/s...

8 de Março no Porto

Viva a comuna!

Casino da Póvoa de Varzim...

Opor barreira ao avanço d...

Um enorme embuste

Três pontos apenas

ENVC: Não basta lutar É p...

Casino da Póvoa de Varzim...

VIVA O PARTIDO!

MANIFESTO contra a morte ...

ENVC: A necessidade de pa...

9 de Novembro: trabalhado...

Viva o comunismo!

Cavaco e governo, RUA!

Derrubar o governo!

Primeiro passo: derrubar ...

Mais democracia e control...

PLENO EMPREGO, apenas uma...

Habitação: um direito fun...

Transportes: um nó górdio...

Semanário de Felgueiras, ...

O Golpe de Estado de Cava...

Greve Geral de 27 de Junh...

CASINO DA PÓVOA - Subsídi...

Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


pesquisar neste blogue

 

mais sobre nós

deixe uma mensagem

escreva aqui

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Maio 2016

Março 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Outubro 2014

Setembro 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

visitas a partir de 28 de Novembro de 2013

contador

artigos sobre

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds